Vencida por uma chupeta!

novembro 05, 2013
Sim, estava toda orgulhos pq minha filha esta há 2 dias e meio sem a tal da "pepe", mas coloquei pesos e medidas e resolvi deixar ela ganhar essa "batalha".

Muitas mamães vão me dizer, como assim depois de 2 dias vc deu a chupeta ela já estava quase conseguindo.... não acredito... mas  a verdade é que EU que não estava mais conseguindo, EU que estava sem paciencia para esse desafio.

Isso mesmo, antes de começar uma etapa nova na vida de nossos filho temo primeiro que analisar se realmente estamos preparados para aquilo, preparados psicologicamente, fisicamente e monetariamente. Tudo tem que ser muito bem pensado antes de ser decidido, ate poque para nossos filhos ainda é dificil entender as situação.


A Marcela, que tem quase 2 anos, na verdade quase me tirou do sério, mas eu que ja nao estava muito bem quando tive esse ideia....

Começou quando ela jogou a chupeta dela pela janela do meu apto, moro no oitavo andar, então meu marido disse agora vai ficar sem a "pepe", ela veio pra mim e eu confirmei a historia e ela parou de chorar como se tivesse entendido o q acontece, ou melhor entendeu, só não sabia qual era a conseguencia certa daquilo....

Algumas horas depois quando ela pediu a "pepe"eu perg mas cade a sua? e ela respondeu caiu e apontou a janela e nem tocou mais no assunto, então a partir dai achei q ela estaria preparada para ficar sem... 

A noite foi bem longa, não teve muita choradeira, mas o sono dela ficou leve e ela despertou por longos períodos e me pedia mamadeira (tete), agua, suco ate papa ela pedia, acho q era a ansiedade e o habito da chupeta batendo... acabava fazendo o tete ou agua enfim e ela dormia...1 ou 2 horas depois a mesma coisa, mas ai se dizia q acabou o tete ela ja se jogava, esperneava e a birra tava completa...trazia agua e ela ficava nervosa, mas depois tomava e dormia. O que ainda não contei é que durante esses ataques dela eu tb ficava bem irritada e acabava brigando com ela ou gritando....e essas minhas atitudes estavam me consumindo, só que os ataques da marcela estavam seguindo, principalmente quando o sono começava a bater...ai ela se tornava insuportavel.

Para evitar qq conflito na escola resolvi não leva-la no primeiro dia sem "pepe", só que eu já estava cansada afinal ela estava se recuperando de uma virose de 1 semana em casa e quem não estava com a saúde cem por cento dessa vez era eu, então o desgaste foi maior.

Depois que ela dormiu foi bem tranquia a noite de sono, mas ate então foi puro stress em casa e eu sem nenhuma paciência ou forca ate para ajuda-la e faze-la compreender. Mas mesmo assim dormimos abraçadas e a noite ela tomou o tete dela.

Resumindo, pra avançar e deixar de chupar chupeta eu estava retrocedendo em 2 conquistas no tete da madrugada q ela só toma a partir de 5 da manha e ela estava dormindo comigo, pois assim ficaria mais fácil acalma-la. Fiquei pensativa por todo o dia...

segundo dia sem pepe ela foi pra escola, desastre total, pelo menos foi o que as "tias" disseram, afinal ela ficou irritada e irritante, tentou roubar chupeta dos coleguinhas e queria bater ou morder...uau! bom, ela e os amiguinhos sobreviveram...

e eu pensei pensei pensei e não estou com muita paciência para esse desafio que pra ela sera tao difícil, eu tenho que esta calma para poder tranquiliza-la quando nescessario, a escola vai ter q participar, ela precisara entender melhor tudo isso... enfim....agora ela esta dormindo com a chupeta na boca e pode cair o mundo q ninguem acorda ela....e eu vou ter uma noite de sono tranquila...enfim!!!!


e vcs mamaes o que acha? como foi com vcs alguma dica???


Gostou? 
Comente, de sua sugestão, diga o que vc pensa! 
Twitter: www.twitter.com/mariababona 
FanPage: www.facebook.com/mariababona 
Instagram: www.instagram.com/mariababona

Tecnologia do Blogger.