Dia das crianças: Como presentear e educar ao mesmo tempo?

setembro 19, 2017




Esta é mais uma data que se aproxima em que recomeça o alvoroço nas lojas infantis.
A família se vê aturdida pelo avalanche de opções, enquanto que a criança, influenciada pelas informações, tanto da TV como da internet trocam opiniões entre si para decidir o que vão pedir de presente... E lá se vão às lojas para comprarem quase sempre o brinquedo mais sofisticado, muitas vezes sem terem a certeza da adequação da sua escolha e do seu proveito real.

Deve se sempre lembrar a questão da educação que se deve dar ao filho durante o processo da escolha e da compra como limites reais, disponibilidade financeira, adequação do brinquedo ao espaço e atenção à idade da criança. O que faz com que a criança aprenda a aceitar que existem as normas e limites.

Negociar: Os pais apresentam entre duas ou três opções de escolha, dentro de uma seleção que se aproxime ao desejo do filho.

Enfim, os adultos devem sempre ter em mente que mais importante do que o valor financeiro do brinquedo é a alegria e o interesse que possa despertar nos pequenos. Mas nenhum presente é bom se não for escolhido com atenção e carinho, e oferecido junto à um grande e carinhoso abraço, pois só assim ele cumpre a maior de suas funções: A de transmitir realmente a nossa emoção ao presentear uma criança muito amada!!

HELENA NARITA                                                                                                                                          Psicóloga Clínica
Rua: Uruguaiana, 516 - Bosque
(19) 3254-0342
Tecnologia do Blogger.